OAB protocola nesta quinta pedido de impeachment de Temer

Documento foi endossado por representantes da entidade em 24 estados e no DF

Depois de decidir, na madrugada do último dia 21, por 25 votos a 1, que entraria com pedido de impeachment do presidente Michel Temer, na Câmara dos Deputados, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) deve entregar a denúncia nesta quinta-feira (25).
O documento, endossado por representantes da entidade em 24 estados e o DF, segundo informações do portal G1, será juntado a outros 16 pedidos de impeachment que já foram protocolados na Casa.
Em nota, o presidente da OAB, Carlos Lamachia, lembrou que a instituição cumpre seu papel, "mesmo que com tristeza, porque atua em defesa do cidadão”.
Para os membros da comissão especial da OAB, Temer incorreu em crime de responsabilidade ao não informar às autoridades competentes o teor de parte da conversa que teve com o empresário Joesley Batista, dono da JBS, no Palácio do Jaburu. As informações são da Agência Brasil.
Joesley gravou a conversa e entregou cópias do áudio à Procuradoria-Geral da República, com quem firmou acordo de delação premiada, já homologado pelo Supremo Tribunal Federal (STF).
De acordo com a OAB, Temer faltou com o decoro ao se encontrar com um empresário alvo de diversas investigações em curso, sem registro em sua agenda e prometido agir em favor de interesses particulares.
Caberá ao presidente da Câmara decidir se aceita ou não os pedidos para abrir o processo que pode tirar Temer do poder. Nessa quarta-feira (24), Rodrigo Maia afirmou que é preciso ter paciência e que a decisão não será tomada 'da noite para o dia'.
Por Messias Bezerra / Notícias ao Minuto

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.