Serra da Ibiapaba nas telonas: Filme 'A Conquista da Serra da Ibiapaba' conta a história do povo Ibiapabano


O filme “A conquista da Serra da Ibiapaba” é um resgate da memória oral e escrita dos mais velhos habitantes da região serrana, essas histórias registradas através das lentes de câmeras de alta definição, ficarão eternizadas e popularizadas através da exposição em Teatros, Cinemas, Youtube e Mídias de DVD. 

Gravado em meio à natureza exuberante das cidades Ibiapabanas; Viçosa, Tianguá, Ubajara, Ibiapina, Guaraciaba e  Ipu, o filme inclui a história emocionante do romance entre Iracema - A Virgem dos Lábios de Mel e o europeu Martins Soares Moreno – o fundador do estado do ceará. 

O longa metragem é uma mesclagem entre fatos reais e lendas retratará a colonização das terras dos índios Tabajaras e Tapiuas desde o desembarque dos homens brancos europeus no litoral de Camocim até as mais sangrentas e violentas batalhas na remota e isolada serra da Ibiapaba. 

O filme nasceu da necessidade evidente de preservação das raízes do povo da serra, que convive cada vez mais com as influências de outras culturas e não mais tem espaço para relembrar do seu próprio passado. 

Desde 15 de janeiro/2017 esse projeto audacioso e inovador vem sendo desenvolvido em viçosa do ceará com a finalidade de resgatar a rica herança histórica, cultural e nostálgica da serra da Ibiapaba. as belezas naturais de Viçosa do Ceará, Tianguá, Ubajara, Ipu e Camocim serão o cenário do filme "Serra da Ibiapaba: A conquista" que conta com elenco genuinamente Ibiapabano valorizando o talento de jovens, adultos e idosos serranos tirando esses atores do anonimato e levando a conhecimento do mundo. 

Serão mais de 70 minutos de películas que formam um filme bem produzido, elaborado com sonoplastia, imagem e atuação de qualidade prendendo a atenção do espectador do início ao fim. 

O longa metragem tem pesquisa, produção, roteiro e câmera de Antônio José Magalhães, produção artística de Ismael Sousa e direção executiva de Lucas Fontenele. 

Por Messias Bezerra / Ipu Notícias

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.