Diários roubados de John Lennon são encontrados em Berlim

Os cadernos de memórias são alguns dos 100 itens dos Beatles recuperados, após a prisão de um homem de 58 anos

Diários roubados de John Lennon são encontrados em Berlim
Uma série de diários roubados de John Lennon foram recuperados, em Berlim, e estão em exposição no Quartel da Polícia Alemã. Os cadernos de memórias são alguns dos 100 itens dos Beatles recuperados, após a prisão de um homem de 58 anos, que costumava trabalhar para Yoko Ono. O crime foi cometido em 2006.
A própria viúva de Lennon reconheceu os diários - por meio de fotografias enviadas para ela por meio do Consulado da Alemanha, em Nova York. Dois pares dos icônicos óculos redondos de John, além de uma gravação de um show dos Beatles, partituras e port-cigarros.
Conforme a BBC, a polícia alemã ainda procura outros dos itens roubados. Em outubro passado, o Museu da História dos Beatles, em Liverpool, inaugurou uma exposição com 26 fotografias de Lennon, de 1970, encontradas em uma gaveta de família.
Por Messias Bezerra

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.