Incêndio devastou cerca de 50 hectares da mata da Bica do Ipu

O incêndio de médias proporções que atingiu a mata próxima à Área de Proteção Ambiental (APA) da Bica do Ipu, na Serra da Ibiapaba e devastou cerca de 50 hectares de mata. A Polícia suspeita que as queimadas, consideradas comuns nesta pré-estação chuvosa, tenham sido a causa. Por volta das 23 horas da noite desta quarta-feira, (03/01), o Corpo de Bombeiros ainda tentava conter o fogo.

Bombeiros do município de Crateús (distante 360 km de Fortaleza) atenderam a ocorrência. De vários pontos do município de Ipu era possível enxergar a coluna de fumaça. 

De vários pontos da cidade era possível enxergar a fumaça

Suspeitos do crime não foram identificados e relatos locais contados no Facebook deram conta de que animais (possivelmente répteis) teriam morrido. O pórtico de entrada para o turístico Parque da Bica do Ipu também esteve ameaçado pelo fogo assim como uma escola (reveja a matéria). Não houve pessoas feridas, de acordo com a Polícia.

Funcionários da APA, que atuam como brigadistas voluntários, tentaram controlar as chamas e resgatar animais, com ajuda da população.  Danificar florestas é crime previsto no artigo 53 do Decreto Federal 6514 que regulamenta infrações ambientais.

Cerca de 50 hectares de mata foi destruído pelo fogo

Outros casos 
Os casos de incêndio na região são constantes nos meses de novembro, dezembro ou janeiro. Com calor, ventos fortes e baixa umidade do ar, chamas se espalham rapidamente.
No último mês de novembro, por exemplo, fogo durou nove dias até ser apagado. A estimativa é de que pelo menos 150 hectares tenham sido consumidos à época.
Com informações Jornal O Povo



Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.